AQUI e AGORA - Blog de conversas sobre a advocacia e o mundo

29
Dez 08

Como sabem eu exerço advocacia, e com também já sabem estou agora em luta por melhores condições de trabalho para todos os advogados que exercem o patrocínio oficioso, fiz uma petição (link ao lado, é favor assinar!) e escrevi vários emails para o nosso bastonário e para alguns dos membros da OA que ou não obtiveram qualquer resposta ou então a resposta foi tão incrível que nem vale a pena comentar novamente!

Mas claro que fiz isto tudo com o objectivo de ver a minha conta bancária mais recheada este natal, assim como as contas de todos os colegas que se encontravam na mesma situação que eu (ou seja credores do estado!).

Fiz isto por puro inconformismo com a actual situação, porque não acredito na democracia que hoje vivemos, porque quero mais e melhor para mim e para o povo português (não sejam ingénuos, eu faço isto por mim!), enfim porque sou MALUCA!

Mas apesar de todos os esforços não consegui grandes resultados, o Estado continua em divida para comigo e para com a maioria dos advogados portugueses, não consegui que me respondessem a nenhum dos meus apelos e a minha petição tem hoje 1999 assinaturas....

Mas contudo na página da OA (deixo aqui o link directo para todos os interessados) surge publicado um texto de opinião ( https://www.oa.pt/Conteudos/Artigos/detalhe_artigo.aspx?idc=31632&ida=73002) intitulado "O Conformismo".

Devo dizer que este texto (é bom, leiam!) não podia ter sido pior escolhido...então nós andamos em luta, nós gritamos a quem nos quiser ouvir, reclamamos os nossos direitos, fazemos petições, enviamos emails e o nosso Bastonário publica um texto que dá a entender que há muito conformismo???

Eu até compreendia isto num site normal, agora no site de uma Ordem? Ordem essa que vive em pé de guerra (seja pelos orçamentos, seja pelos cargos, seja pelos projectos, seja lá pelo que for) e cujos membros estão a tentar lutar por condições mais dignas para a classe??

Não entendo como é possível que depois de tudo o que muitos advogados tentaram fazer e depois de terem pedido o apoio do Bastonário, ele consiga escolher um texto com o teor deste para publicar no site da OA....gostos e opiniões....

Gostaria de ver mais acção! Mais actividade efectiva, menos publicações de cartas, de respostas a cartas, de respostas a notícias, de opiniões que não interessam para nada, de emails a dar conta do que disse fulano e beltrano,etc...

Convém que não haja conformismo, aliás o melhor mesmo é que haja INCONFORMISMO!

Se querem publicar textos, opiniões e tal, meus caros façam como eu! Façam o blog!

Até ao meu regresso!

publicado por hic-et-nunc às 15:35

28
Dez 08

Como diz o ditado, e bem, não há mal que sempre dure nem bem que nunca acabe. É o caso do Natal! Uma pessoa faz os preparativos todos e compra as prendas e depois aquilo passa num instante!

Claro que como tenho crianças na família a coisa é mais prolongada porque eles na noite estão mais para lá do que para cá e não dão muita importância às coisas, nos dias seguintes é que dá para descobrir tudo o que há de novo!

Bem como já deu para entender o meu Natal correu muito bem, não podia ser de outra forma! O nosso Primeiro veio dar a mensagem de Natal e deixou bem claro que tudo o que possa ter corrido mal este ano é para esquecer....porque não vai voltar a acontecer (até porque não foi culpa do governo foi da conjuntura económica e dos EUA), tudo o que de bom aí vem é por obra do governo (até porque não é o BCE que está a baixar as taxas de juro é o governo, ou então um agente infiltrado que o Sócrates enviou para o BCE que dá a volta à cabeça do Trichet!!)!

Portanto meus caros o nosso país está salvo e a salvo de todos os problemas económicos, financeiros e sociais que esta crise poderá (ou melhor poderia...porque já passou!) trazer, logo o meu Natal não podia ser melhor!

Mas, para não fugir ao cerne deste blog: Sr. Primeiro poderia pagar o que me deve? Se calhar dá menos trabalho do que fazer baixar as taxas de juro, é capaz de ser mais fácil! Digo eu que nunca governei nada nem ninguém!

Mas também lhe digo, que nós os portugueses, apesar de não termos a capacidade governativa de muitos, somos capazes de produzir verdadeiros milagres económicos e financeiros. Porque com o valor dos nossos salários, nós conseguirmos comprar comida para as nossas famílias, por gasóleo nos nossos carros, pagar as prestações dos nossos créditos e não falirmos como os bancos!!! É obra?? Não???

Devíamos ser mais valorizados! Podiam por os portugueses que praticam estes milagres a gerir os bancos! Isso é que era! Lucros e mais lucros! Mas não....

Até ao meu regresso! 

publicado por hic-et-nunc às 11:21

24
Dez 08

As vésperas são sempre melhores que o próprio dia, acho eu, claro!

Mas só assim se compreende a importância da véspera de Natal! Porque se não qual a razão de haver véspera de Natal se há o dia de Natal?

A véspera serve para antecipar os acontecimentos, para prolongar as sensações, fazer durar o momento.

Claro que há vésperas boas e outras que nem tanto, ainda me consigo lembrar de umas vésperas de exames (mais das orais...) bastante...como dizer...difíceis! Só passavam a ser boas vésperas se no dia seguinte a coisa corresse bem! Mas no entanto também antecipavam o momento e prolongavam a sensação (de pânico claro!).

Mas a véspera de uma festa, ou daquela saída à noite que a mãe tinha prometido deixar se nos portássemos bem, a de natal e de fim de ano, essas são boas, mesmo de véspera, não é necessário ver o dia seguinte para o sentimento da véspera ser muito bom!

Portanto hoje é um dia bom! É uma véspera boa! Espero que o seja para todos!

Até ao meu regresso! Boa Véspera de Natal!

publicado por hic-et-nunc às 10:29

22
Dez 08

O Natal está quase aí! Eu devo confessar...sou uma nataleira! Adoro o Natal!

Com a idade passei a gostar mais de dar que receber, e agora que sou mãe...mais ainda! Vibro tanto (ou mais) que ela!

O Natal é uma época de dar...logo é muito especial! O melhor das pessoas desperta e os laços familiares tornam-se mais fortes!

Lembro-me de quase todos os meus natais! Passados com a minha mãe, avós, primos e tios! Tinha sempre prendas que me marcavam muito e me fazem recordar até hoje certos Natais! Como por exemplo um avental de plástico do PSD, que os meus primos me deram, era eu uma criança!! Já eles andavam a ver se me metiam ideias na cabeça!

Mas claro que também me lembro quando recebi a minha bicicleta, muito bem escondida!

Agora estou mortinha para a minha filha ver os blocos mágicos que eu lhe comprei (ups! O pai natal, o pai natal!!), e a cara do meu marido quando vir a prenda brutal que eu lhe arranjei!

Já só faltam dois dias!!

Mas claro como o espírito natalício é de dar...mas também de receber eu aproveito e peço dignidade para o defensor oficioso, que o Pai Natal traga a todos nós um ano cheio de trabalho e sucesso! Mas acima de tudo um ano de pagamentos a tempo e horas e justos!

Até ao meu regresso! BOM NATAL!! 

publicado por hic-et-nunc às 16:56

19
Dez 08

Neste momento todos os adeptos das grandes equipas que participam no campeonato português (ou seja os adeptos do Leixões, do Sporting de Braga e por aí fora...) devem rir a bandeiras despregadas do meu Benfica.

Já não bastava a situação em si mesma ser ridícula (o Benfica SÓ tinha de ganhar por 8 golos de diferença), mas o Quique conseguiu expor ainda mais a equipa ao ridículo. Então aquilo lá é equipa que se apresente? Pensava que ia jogar a feijões?

Era bom de ver que a vitória pelos números expressivos não era possível, mas ao menos a vitória...sem ser expressiva...podia ser sem qualquer tipo de expressão, mas tinha é que ser uma vitória!

Um treinador que só fala do lado psicológico das coisas não sabe que psicologicamente falando as vitórias são melhores que as derrotas???

E sabendo isso não podia ao menos ter tentado ganhar o jogo?? Pontos!!! aquilo valia pontos no ranking das equipas na UEFA, valha-me Deus!!! Podiam ter jogado para os pontos!!!

Depois temos que ouvir (calados porque é verdade) que só o porto é que junta pontos para Portugal!! Não pode ser!! Uma pessoa tem que ter brio!!

Bem.... desta vez perdoamos e tal, mas para a próxima tem que haver retaliações! Queremos um Benfica a jogar à Benfica!!

Até ao meu regresso!

PS: boa sorte para as outras equipas portuguesas nas competições europeias.

publicado por hic-et-nunc às 17:05

17
Dez 08

Tenho hoje que vir dizer que o nosso Governo me pagou tudo quanto me devia de honorários referentes à situação anterior ao mês de Setembro de 2008.

Fico Grata! Muito obrigada eu não vou esquecer este gesto de simpatia e amabilidade para com os advogados portugueses!

Agora só um reparo....e o que me devem desde Setembro? E cumprir a lei é para quando?

Eu não sei quanto aos meus colegas (muitos apoiam esta causa), mas a mim ainda me devem dinheiro....eu não sou um banco (apesar do que possa ter ficado no ar no último post)! O meu dinheiro só está bem no meu bolso, não no bolso dos outros!

Ontem recebi um email de um elemento da OA (não vou dizer quem para não haver vergonhas) a dizer que ainda não tinha tido tempo de me responder na questão da petição, mas que agora ela já não era pertinente, porque o Estado já tinha pago!

Ora uma pessoa tem que ter uma paciência....tem que se explicar tudo explicadinho...

Exmo. Sr. eu ainda não vi pagos todos os honorários que me devem e mais lhe digo o Estado não me faz favor nenhum por me pagar, bem pelo contrário, eu é que faço um brutal favor ao Estado em trabalhar por sua conta sem ser paga a tempo e horas.

E esta situação não é de hoje é de sempre, qualquer advogado sabe que o Estado não é apenas mau pagador, mas péssimo!

Não me venham dizer que a petição não é pertinente, só peca por tardia! Porque há muito tempo que os advogados que exercem o PO não vêm os seus direitos defendidos condignamente.

E digam o que disserem esta petição foi muito provavelmente a causa de os pagamentos se terem verificado antes de 2009, porque o Estado, com a conivência da OA e demais órgãos, comissões e institutos que lá existem, preparava-se para nos pagar quando lhe causasse menos transtorno!

Os advogados não são uma classe à parte! Não podemos deixar que nos humilhem e que depois uma vez pagos nos coloquemos em situação de sermos humilhados mais uma vez!

Para o próximo ano não quero fazer mais nenhuma petição! Vamos lutar por pagamentos dentro do prazo legal e por sanções para o Estado quando não cumpra esses prazos.

Só ficava bem aos nossos representantes juntarem-se a esta luta!

Até ao meu regresso!

publicado por hic-et-nunc às 11:42

16
Dez 08

Olá!

Hoje vou-me limitar a falar por pontos, não estou com paciência para grandes reflexões que não servem de nada neste país à beira-mar plantado.

1. Eu não avisei que o deputado famoso ia ser candidato contra o próprio partido? (até me ria toda se fosse ele a ganhar as eleições, como é que formava governo? orgulhosamente só?)

2. Porque razão o Benfica não ganha os jogos todos? Não consigo atingir...Será culpa dos adeptos? Pois porque dos jogadores não é, o treinador tem razão, os dirigentes são de alto nivel...a culpa só pode ser nossa! Temos que treinar!

3. Viram o pacote de medidas do Sócrates? Ser empresa é que está a dar...estou a pensar seriamente em deixar de ser gente para passar a ser empresa, só ainda não sei se vou ser uma PME ou um banco...estou na dúvida...ou talvez passe a ser uma daquelas ventoinhas gigantes! É isso!

4. Queria aqui propor uma medida para combater a crise: porque é que o Estado não cria uma linha de bonificação para os particulares que tenham crédito à habitação, que diminua automaticamente as taxas de juro? Podia ser assim uma bonificação de 0,3%, mas que obrigasse os bancos a actualizar as taxas de juro de todos os empréstimos agora! Já! Não é uma boa ideia? Não sei como é que eu me lembro disto e não sou uma equipa nem uma empresa...sou só eu a pensar! Fantástico!

Pronto por hoje é tudo!

Até ao meu regresso! 

publicado por hic-et-nunc às 12:28

12
Dez 08

Conforme o prometido aqui estou eu a dar conta das novidades relativas ao pagamento dos nossos honorários.

O Estado efectivamente pagou alguns dos honorários em atraso, mas para nós não ficarmos entusiasmados, ou a pensar que alguma das nossas iniciativas teve algum efeito, decidiu não pagar tudo.

Assim eu, por exemplo, tinha para pagamento 7 notas de honorários. Eles pagaram-me 3. É justo, não?

Já andei nos fóruns da pagina web da OA (Ordem dos Advogados) e os meus colegas, salvas raríssimas excepções (uma para ser mais precisa), sofrem do mesmo mal.

Não fosse eu uma pessoa que acredita nos outros, ou já estava pronta para afirmar que o MJ só nos pagou este dinheiro para nos calar. Será?

Confesso que ando a perder um pouco a fé...se não vejamos: o MJ diz que nos paga até Novembro tudo o que nos deve, depois diz que afinal só paga em Janeiro, depois paga em Dezembro, depois paga a 12 de Dezembro tudo o que diz respeito a honorários anteriores ao novo sistema (Setembro de 2008) e chega a dia 12 e ele só paga aquilo que lhe apetece.

Posto isto o que é suposto uma pessoa fazer?

Eu honestamente já não sei mais o que fazer...já escrevi cartas para todo o lado (quase de lado nenhum me responderam), fiz a petição online quase ninguém assina aquilo....não há animo que aguente tanta falta de actividade...

Ainda tive esperança que o MJ cumprisse a sua palavra (credibilidade a minha...), mas já não há respeito por nada nem por ninguém!

Afinal barafustar só resulta um bocadinho...

Até ao meu regresso! (mais animado, esperemos...)

publicado por hic-et-nunc às 18:10

11
Dez 08

Bem ao jeito português, como já aqui relatei, o nosso Estado tarda em pagar as suas dividas.

O tuga cá anda, sem saber bem como, a viver a vidinha e sem dinheiro para as prendas de Natal!

Conforme o já declarado o Estado, como pessoa de bem que é, já prometeu que nos paga amanhã! Aqui darei conhecimento se o milagre ocorrer.

Mas ele paga amanhã aquilo que nos deve desde há muitos meses, não aquilo que está obrigado a pagar segundo a nova lei de Acesso ao Direito.

Eu sei que estou a ficar muito cansativa com esta conversa, mas efectivamente isto é um assunto que me revolta profundamente.

A nova lei do Acesso ao Direito que entrou em vigor em Setembro deste ano prevê que os nossos pagamentos sejam feitos num prazo máximo de 30 dias. E isto já é muito bom porque eu se dever ao Estado eles não me dão 30 dias para pagar.

Mas nem assim eles conseguem pagar a tempo e horas. E uma lei que entrou em vigor há 3 meses já não está a ser cumprida.

Como é que o Estado elabora uma lei, onde prevê todo o tipo de aberrações (como por exemplo os advogados prestarem uma consulta jurídica (que pode demorar horas e ser uma matéria de uma complexidade imensa) e receberem 25 euros!!??), e não consegue cumpri-la, nem nos primeiros 3 meses?

Por tudo isto e muito mais, como também já aqui escrevi existe uma petição online contra esta situação, mas o que eu quero dizer hoje é que também já deram entrada na Assembleia da República duas petições para serem avaliadas.

Uma delas é de teor muito idêntico à que se encontra online (a grande diferença é o pedido de pagamento de juros por parte do Estado assim que entra em mora) e outra só relativa aos juros de mora.

Deixo aqui os links para quem estiver interessado:

1- http://www.parlamento.pt/ActividadeParlamentar/Paginas/DetalhePeticao.aspx?x?ID=11876">http://www.parlamento.pt/ActividadeParl ... x?x?ID=11876

2- http://www.parlamento.pt/ActividadeParlamentar/Paginas/DetalhePeticao.aspx?x?ID=11877">http://www.parlamento.pt/ActividadeParl ... x?x?ID=11877

Até ao meu regresso!

publicado por hic-et-nunc às 10:38

10
Dez 08

Hoje saiu uma estatística de opinião dos portugueses e nós não acreditamos muito nos deputados, achamos que são um cargo menor na democracia...porque será?

Eu tenho reflectido um pouco sobre este assunto desde que tiveram lugar as eleições presidenciais onde foi eleito o Cavaco Silva.

Agora perguntam vocês o que é que as eleições do Presidente têm a ver com os deputados?

Passo a explicar: nessas eleições um deputado do PS foi candidato (contra o partido) a Presidente. O Manuel Alegre, claro está!

Não pensem que eu acho isso errado, eu própria tive vontade de me candidatar contra o Mário Soares (não tenho idade, foi esse o problema), mas não acham estranho um deputado candidatar-se contra o partido, ter mais votos que o candidato oficial e não acontecer nada?

A mim parece-me aquela velha táctica de dividir para reinar, que aliás resultou muito bem na primeira eleição do Soares a presidente, se bem se recordam!

Agora o mais incrível nisto é que o Manuel Alegre não só não abandonou o partido como continua a exercer o seu cargo de deputado e vota contra o governo em todas as questões que levantam alguma discussão pública e já anunciou publicamente que não será mais deputado porque não se revê nesta actuação do governo.

A pergunta é urgente: porque carga de água continua na AR?? porque não é honesto consigo próprio e com os portugueses e se desmarca deste governo? Não é esse o objectivo pois não? Está a aproveitar o lugar ( e o tempo de antena) para fazer campanha, é justo!

Cá para mim vai-se candidatar a primeiro-ministro, contra o Sócrates, mas na verdade a seu favor, porque mais uma vez usamos a táctica do Soares.

Agora eu pergunto: se o Sócrates não tiver maioria e o Alegre tiverem alguns votos o PS e o PS vão coligar-se para governar? Será que o PS e o PS conseguem governar os dois??

Maior subversão à democracia do que isto não me parece possível!

Ainda se perguntam porque é que os Portugueses não acreditam nos deputados? Porque não se pode levar a sério pessoas que têm como objectivo único enganar, iludir, manusear a nossa democracia!

 

Outro caso estranho que envolve deputados foi este último com deputados do PSD, que faltaram a uma sessão da AR e se não tivessem faltado a avaliação dos professores tinha sido suspensa por iniciativa do PP.

Todos acharam incrível eles terem faltado, mas eu pergunto, qual era a vantagem daquela proposta ter passado? Em termos partidários claro!

A vantagem não era nenhuma, a proposta era do PP (o PSD não quer ajudar o PP quer é ganhar as próximas eleições), o problema do governo com os professores acabava (o PSD não quer ajudar o governo quer é ganhar as eleições) e o governo ainda tinha a desculpa de ter que acabar com a avaliação dos professores por causa do PP e do PSD (uma boa desculpa porque eles devem estar mortinhos para acabar com aquilo!) e ainda dizia que eles tinham contribuído para que aquela classe tivesse uma regalia em desfavor de todas as outras que são avaliadas e tal (discurso politico normal...).

Alguma destas coisas era boa para o PSD? Não, claro que não?

Ainda acham incrível eles não terem ido votar?? Não, claro que não!

A quem poderia ter ajudado o PSD? Aos professores claro, mas os portugueses são quem menos importa, isto é um facto!

A nossa politica é um teatro, todos têm o seu papel e na realidade o papel dos deputados é muito pequeno e tem que obedecer sempre ao guião escrito pelo partido, quer seja quando faltam, quer seja quando votam contra as propostas do seu próprio partido.

Até ao meu regresso!

publicado por hic-et-nunc às 11:08

as minhas fotos
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
13

14
15
18
20

21
23
25
26
27

30
31


subscrever feeds
subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO